Participe do PG Cultural

Receba a programação no seu e-mail

Peça de teatro com Janete do “Zorra Total” é apresentada em Praia Grande


A humorista do programa de TV “Zorra Total”, Thalita Carauta, retorna a Praia Grande com o espetáculo “Favela” em única apresentação dia 28 de setembro, às 21 horas. A atriz famosa pela personagem Janete está em uma turnê nacional há dois anos com a peça de humor, que narra um dia comum de uma periferia de uma grande cidade. “Favela” será apresentada no Teatro Serafim Gonzalez, localizado no Complexo Cultural Palácio das Artes (Avenida Presidente Costa e Silva, 1600, Bairro Boqueirão). Os ingressos custam R$ 60,00 (inteira) e já estão à venda na bilheteria do teatro de segunda-feira a sábado, das 14 às 19 horas.

O espetáculo começa com a favela acordando. Seria um dia qualquer, não fosse por uma festa oferecida pelo chefe do morro, que engrena o espetáculo para um desfecho inusitado. A comédia conta com quatro personagens, todos interpretados por Thalita Carauta: uma vendedora de calcinha barraqueira, uma pregadora religiosa suspeita, o chefe da favela e a Janete de Zorra Total, a radialista que dá dicas de sedução às encalhadas.

Esta é a segunda vez que o espetáculo será apresentado em Praia Grande. Em junho de 2012, Thalita Carauta arrastou grande público para o Palácio das Artes.

“Favela” tem 70 minutos de duração e classificação indicativa 14 anos. O espetáculo tem direção de Rodrigo Sant’Anna, também ator e interprete da personagem Valéria no programa “Zorra Total”. Os ingressos também estão à venda no site www.compreingressos.com e na Renault Estoril (Avenida Washington Luiz, 21, Santos).

Desconto – Têm direito ao desconto de meia-entrada na apresentação “Favela”: estudantes, idosos acima de 60 anos e professores. Pagam ingressos com 30% de desconto assinantes e acompanhantes do Jornal A Tribuna e funcionários públicos.

Notícia do dia 27/9/2013
Por Jaqueline de Marco, MTB: 52.981

Concurso artístico é destaque no 83º PG Cultural


Os selecionados de Praia Grande para a etapa estadual do concurso Mapa Cultural Paulista são os destaques da 83ª edição do PG Cultural. O boletim radiofônico, que traz informações sobre atividades artísticas e culturais que acontecem no Município, está disponível na página oficial da Rádio do Paço: http://radio.praiagrande.sp.gov.br. No site, os ouvintes e emissoras em geral podem acessar online o conteúdo do programa ou fazer download do arquivo em formato de MP3.

Em entrevista, o regente do coral Agnus Dei, Ivan Menezes, falou sobre a classificação do grupo para a etapa estadual do projeto. E a arte-educadora Filó Coleto, que representará Praia Grande na categoria “artes visuais”, no Mapa Cultural Paulista falou sobre a expectativa para a próxima etapa.

Nesta edição também os ouvintes do PG Cultural ficarão antenados sobre a programação do final de semana (de 27 a 29 de setembro) das casas de shows da Cidade, além das atividades culturais que serão realizadas no Município e região.

E para participar do boletim PG Cultural e enviar informações sobre atividades culturais na Cidade, basta preencher um formulário disponível no site da Rádio do Paço (radio.praiagrande.sp.gov.br) ou mandar um e-mail para radio@praiagrande.sp.gov.br.

Segundo a Secretaria de Comunicação Social, todo o conteúdo do site está disponível para emissoras de rádios que se interessarem pela programação. A página da Rádio do Paço trabalha com o sistema Creative Commons, que permite, além da cópia do arquivo e entrevistas, a distribuição e remixagem do conteúdo.

Notícia do dia 26/9/2013
Por Jaqueline de Marco, MTB: 52.981

Alunos de Praia Grande participam de encontro de violões


Aproximadamente vinte alunos das oficinas artísticas da Secretaria de Cultura e Turismo de Praia Grande (Sectur) se apresentarão no III Encontro de Violões de Mongaguá, que será realizado nos dias 27 e 28 de setembro, às 19h30, no Centro Cultural Raul Cortez. Entrada é franca. Este ano, o evento homenageará o professor e compositor Marcelo Brazil. O centro cultural fica na Avenida São Paulo, 3.465, Vera Cruz, Mongaguá.

Os alunos apresentarão seus conhecimentos com o instrumento adquiridos nas aulas gratuitas ministradas pelos professores Tabajara da Cruz e Evandro Pires Barbosa, que acontecem no Palácio das Artes.

Segundo a chefe da seção de Ação Cultural de Praia Grande, Lourdes Marszolek, o violão é muito procurado no Palácio das Artes por quem tem o interesse de aprender a tocar algum instrumento. “É um instrumento popular e todo mundo gosta do som. Temos um grupo de estudantes de música muito bons. Tenho certeza que o público vai gostar bastante do trabalho apresentado”, afirmou.

Oficinas – A Prefeitura de Praia Grande oferece oficinas gratuitas de música para alunos de todas as idades com cursos para aprender a tocar instrumentos como violão, bateria e teclado, além de grupo vocal. As aulas são ministradas no Palácio das Artes, que está localizado na Avenida Presidente Costa e Silva, 1600, Bairro Boqueirão. Para mais informações sobre abertura de novas vagas podem ser obtidas pelo telefone 3496-5707.

Confira a programação completa do evento:

- 27 de setembro
Alunos da Oficina Cultural de Violões de Mongaguá
Camerata de Violões do Palácio das Artes
Orquestra de Violões de Mongaguá

- 28 de setembro
Camerata de Violões Brasilis
Duo Violeta

Notícia do dia 26/9/2013
Por Jaqueline de Marco, MTB: 52.981

Praia Grande classifica dois representantes no Mapa Cultural


Um dos mais importantes projetos culturais de São Paulo, o Mapa Cultural Paulista selecionará os melhores trabalhos do estado nas categorias canto coral, música instrumental, teatro, dança, literatura, vídeo e arte visual. Depois das etapas municipais e da regional, Praia Grande classificou para a etapa estadual dois trabalhos e representará a região da Baixada Santista na grande final nas categorias “artes visuais” e “canto coral”. Além disso, na área “teatro” a peça “O Colar de Helena”, da Cia Teatral Cúmplices e Conflitantes, de Praia Grande, ficou em segundo lugar, alcançando assim a primeira suplência na competição. A final do Mapa Cultural Paulista está prevista para acontecer no ano de 2014.

A arte-educadora de Praia Grande, Filomena Aparecida Coleto Correia , de 35 anos, foi uma das cinco classificadas na categoria de artes visuais. Filó Coleto, como a artista assina suas obras, ganhou a etapa regional com as fotografias chamadas Ciclos Naturais I, II e III. “São três imagens captadas na Mata Atlântica, que mostram detalhes que poderiam ter passado despercebidos por um caminhante distraído. Uma foto retrata uma flor, outra um solo ressecado e, a última, abelhas em uma árvore rugosa”.

Para a artista, que ministra aulas de educação ambiental na Cidade, a ideia é que o trabalho faça as pessoas refletiram sobre a importância da natureza, mesmo nos seus pequenos detalhes, para o ser humano. “Somente por permitir que estas fotos tenham saído do anonimato, já valeu a pena participar do Mapa Cultural. É a primeira vez que participo e espero muito ganhar e poder levar o nome de Praia Grande neste projeto tão importante na área artística”, concluiu.

Além de Filó Coleto, também participam da categoria artes visuais os artistas Aldo Ribeiro, Carlos Rojo e Wado Filho, todos de Guarujá, e Lídia Malinowskyi, de Bertioga.

E na categoria canto coral, o vencedor da etapa regional foi o grupo Agnus Dei, de Praia Grande. O regente Ivan Menezes afirmou ter ficado muito feliz com a classificação. “Apesar de termos sido o único coral inscrito na Baixada, passamos por avaliação técnica na etapa municipal e na regional e só nos classificamos, pois o júri entendeu que tínhamos qualidade para isso”.

Ivan Menezes afirmou que espera muito trazer o prêmio para a Cidade, apesar de saber que a participação no projeto já é uma grande experiência. “Nós nos inscrevemos pelo intercâmbio entre os coralistas, mas sabemos que temos competência para, quem sabe, conquistarmos o primeiro lugar. Os concorrentes na fase estadual serão muito fortes e essa interação será uma experiência única”, afirmou.

O grupo tem um repertório que vai do folclórico até o sacro e erudito. Atualmente o Agnus Dei conta com 35 coralistas, mas ainda está aberto para novos integrantes de todas as idades. Para participar é só comparecer a um dos ensaios do grupo, que acontecem na sede da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Praia Grande (Rua Oswaldo de Oliveira, 325, Bairro Boqueirão), toda terça-feira, às 18 horas, e passar por um teste musical.

E com a primeira suplência na categoria teatro, a peça “O Colar de Helena”, da companhia teatral Cúmplices e Conflitantes de Praia Grande, participará da fase estadual caso o grupo Cenicomani, de Santos, não possa apresentar seu espetáculo “Reclame – Uma História de Amor”, vencedor da regional. Para o diretor do Cúmplices e Conflitantes, Amilton Moreno, a seleção para a etapa regional já foi um grande presente. “Somos uma companhia relativamente nova e termos chegado tão longe nos alegra muito. Pretendemos participar outras vezes do Mapa Cultural Paulista”, afirmou.

Projeto - Criado em 1995, o projeto tem o objetivo de fomentar as produções culturais do interior, revelando valores em segmentos que não teriam acesso aos meios de comunicação e com pouca visibilidade no meio cultural. O vencedor da fase final do mapa receberá o “Prêmio Estímulo” de R$ 2.000,00, além de também a participação na Fase Circulação, que contará com apresentações em Cidades de todo o Estado (nas categorias canto coral, música instrumental, teatro e dança) e em antologias, catálogos e DVDs (categorias literatura, vídeo e arte visual).

Notícia do dia 26/9/2013
Por Jaqueline de Marco, MTB: 52.981

Exposição “Natureza Morta” pode ser visitada gratuitamente em Praia Grande


Cenas do cotidiano, retratadas com técnicas artísticas como gravura, escultura e pintura, a Galeria Nilton Zanotti, em Praia Grande, está recebendo desde o último sábado (24) a exposição “Natureza Morta, o Teatro das Coisas”. A mostra, que conta com 40 obras confeccionadas pelo grupo “Câmbio”, formado por doze artistas do estado de São Paulo, pode ser visitada de terça-feira a sábado, sempre das 14 às 18 horas até o dia 19 de outubro. A entrada é gratuita. A galeria faz parte do Complexo Cultural Palácio das Artes, localizado na Avenida Presidente Costa e Silva, 1600, Bairro Boqueirão.

De acordo com a chefe da Seção de Ação Cultural de Praia Grande, Lourdes Marszolek, o grupo Câmbio se preparou durante os anos de 2011 e 2012 para selecionar as obras da natureza com qual cada artista se identificava e este é o resultado. “A mostra traz um trabalho ousado, mas ao mesmo tempo simples, que conversa bem com a ideia do ‘vivo’ representado no gênero adotado pelo grupo, o ‘still life’”, afirmou.

Participam do grupo “Câmbio” os artistas Ada Morgenstern, Anete Ring, Antonio Goper, Danielle Noronha, Elisete Alvarenga, Egidio Rocci, Luciano Ogura, Mauricio Parra, Paula De Podestá, Paula Ordonhes, Sergio Kal e Tamara Andrade.

Agendamento de visitas monitoras para a mostra “Natureza Morta, o Teatro das Coisas” pode ser realizado através do telefone 3496-5707.

Notícia do dia 25/9/2013
Por Jaqueline de Marco, MTB: 52.981

Palácio das Artes recebe 3ª edição de feira de artesanato


Tapetes, vestuário, peças em fuxico, decoração com retalhos e pedrarias, entre outros, fazem parte da lista de trabalhos que serão expostos na 3ª Feira de Artesanato Especial, que ocorre ocasionalmente no Palácio das Artes, em Praia Grande. Nesta edição, o evento ocorrerá nos dias 5 e 6 de outubro e reunirá peças produzidas por cerca de 72 artesãos cadastrados pela Prefeitura de Praia Grande que estarão à venda por preços variados. A feira terá entrada gratuita e acontecerá das 9 às 18 horas (dia 5) e das 10 às 18 horas (dia 6). O Palácio das Artes fica na Avenida Presidente Costa e Silva, 1600, Bairro Boqueirão.

De acordo com a chefe da seção de artesanato da Secretaria de Cultura e Turismo de Praia Grande (Sectur), Lúcia Rocha, os artistas estão muito animados com o evento. “É uma oportunidade dos munícipes e turistas conhecerem trabalhos diversificados e totalmente artesanais feitos em Praia Grande”, afirmou.

A artesã Elilza de Luí Souza, de 47 anos, participará do evento. Ela realiza há 6 anos trabalhos com a técnica de fuxico, como chaveiros e colares. “Já participei das duas edições anteriores e gostei muito da experiência. Feiras como esta mostram ao público o real significado do artesanato”, afirmou.

Novos cadastros - E artesãos de Praia Grande, que não expõem em feiras fixas, podem se inscrever para participarem de exposições itinerantes que são realizadas na Cidade. O cadastro é permanente e segundo a Seção de Artesanato de Praia Grande estes artesãos também entrarão na lista de espera por novas vagas nas feiras fixas. Para o cadastro gratuito de novos artistas é preciso apresentar RG, título de eleitor, comprovante de residência e uma mostra do seu trabalho (peças artísticas ou fotografias). A inscrição é realizada de segunda a sexta-feira, das 9 às 17h30, na sede da Sectur, localizada no Palácio das Artes.

Feiras de Artesanato - Praia Grande conta com quatro feiras de artesanato fixas, que oferecem diversos artigos, como acessórios e objetos de decoração, além de pratos típicos, lanches e doces. As feiras funcionam nas praças Portugal (Bairro Guilhermina); Dr. Roberto Andraus (Bairro Ocian), Nossa Senhora de Fátima (Bairro Caiçara) e Carlos Gomes (Bairro Solemar). Funcionam das 13 às 22 horas aos sábados, domingos, feriados e diariamente durante as férias escolares.

Notícia do dia 25/9/2013
Por Jaqueline de Marco, MTB: 52.981

Boqueirão recebe show gratuito de pagode no Sexta Musical


O cantor de Praia Grande Paulo Silva e Banda prometem agitar o Bairro Boqueirão dentro do projeto Sexta Musical no próximo dia 27, a partir das 20 horas. A apresentação contará com sucessos do pagode e repertório próprio do artista. O show acontece na Avenida Presidente Costa e Silva, entre a Alameda Metropolitana e a praia. O projeto é realizado pela Secretaria de Cultura e Turismo de Praia Grande (Sectur).

Segundo Paulo Silva a expectativa é muito boa para sua primeira apresentação no projeto. “Ouvi falar que o público do Sexta Musical é muito animado e curte muito as canções apresentadas. A interatividade é forte entre o artista e a população e eu não vejo a hora de conferir isso pessoalmente”, afirmou. A banda que acompanhará o cantor no Sexta Musical conta com 8 integrantes .
Paulo Silva canta há mais de 16 anos e em 2013 lançou seu primeiro CD, o “Chora Cavaco”. Outras informações nos sites www.paulosilva.mus.br e facebook.com.br/paulosilvaoficial ou no telefone 3367-1393.

Projeto - O projeto “Sexta Musical” teve início em agosto de 2007 e era originalmente realizado a cada última sexta-feira do mês, sempre no bairro Boqueirão. Devido ao reconhecimento do público, em 2009, outros bairros passaram a ser atendidos com shows musicais gratuitos.

Para o secretário de Cultura e Turismo de Praia Grande, Carlos Ananias Lobão, o segredo do sucesso do projeto é a qualidade dos grupos musicais selecionados. “O grande triunfo do Sexta Musical é combinar música de gosto popular à qualidade dos grupos escolhidos. Como resultado, recebemos um público de todas as idades e selecionados, que fazem de cada apresentação uma noite agradável e voltada à família”, afirmou.

Notícia do dia 25/9/2013
Por Jaqueline de Marco, MTB: 52.981

Praia Grande recebe festival de dança “Octoberdance”


Um verdadeiro show de beleza, cultura e entretenimento é o que promete o 1º Festival RV de Dança “Octoberdance”, que ocorrerá no Palácio das Artes, em Praia Grande, nos dias 3, 4 e 5 de outubro. A entrada custa R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia-entrada) e os ingressos já estão à venda na bilheteria do local. As apresentações serão realizadas às 20 horas (quinta-feira), às 19 horas (sexta-feira) e às 18 horas (sábado) e contará com dançarinos de diversos estados do País. O Palácio das Artes fica na Avenida Presidente Costa e Silva, 1600, Bairro Boqueirão.

As apresentações, que duram em média 3h30, contam com várias modalidades: balé clássico, moderno, jazz, contemporâneo, estilo livre, repertório, dança folclórica, sapateado, street dance, dança do ventre e dança gospel, dança inclusiva e dança da 3ª Idade.

O 1º Festival RV de Dança “Octoberdance” integrará o rol de seletivas do VII Circuito Nacional de Dança 2014, que acontecerá nas cidades de São Paulo, em Caldas Novas - GO, em Uberlândia - MG, em Maringá e Curitiba - PR, em Petrópolis e Macaé - RJ, Salvador - BA, Fortaleza - CE, Vitória - ES. Nestas etapas serão selecionados os melhores trabalhos que se apresentarão também no XXIVI Prodansp Brasil e VII Circuito Nacional de Dança.

Têm desconto de 50% no valor do ingresso estudantes e professores da rede pública com carteirinha e idoso mediante a apresentação do RG. Outras informações podem ser obtidas no telefone 3496-5715.

Notícia do dia 24/9/2013
Por Jaqueline de Marco, MTB: 52.981

Filme rodado em Praia Grande tem lançamento no Palácio das Artes


O Palácio das Artes, em Praia Grande, receberá na quarta-feira (25), às 19h30, o lançamento do filme “Cabeça de Porco”, produzido pela Canan Filmes e dirigido por Claudio de Andrade. A produção tem cenas rodadas em Praia Grande entre os meses de novembro e dezembro de 2012. O trabalho contou com a organização da Associação dos Artistas e Cultura de Praia Grande (AACPRAIGRAN) e o lançamento tem o apoio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo. O evento é gratuito e a classificação indicativa é de 16 anos. O Palácio das Artes fica na Avenida Presidente Costa e Silva, 1600m Bairro Boqueirão.

Cabeça de Porco, que também foi filmado na cidade de Igarassú (PE), conta a história de Raimundo, retirante que vem tentar a vida na grande metrópole paulista, juntamente com sua esposa Maria, grávida de oito meses. Ao chegar em São Paulo, o casal constrói um cortiço em uma casa abandonada e passa a trocar experiências com os demais desfavorecidos que passam a morar no local.

Para o presidente da AACPRAIGRAN, Igor Bartchewsky, este evento é um marco cultural para a cidade. “A qualidade artística de Praia Grande tem crescido a cada ano. E este filme mostra uma movimentação cinematográfica representativa na Cidade. Cabeça de Porco é um trabalho muito emocionante, forte e realista”, afirmou.

O filme conta com o roteiro de Jorge Barreto, produção executiva de Antônio Munhoz e terá no elenco os atores Souza Snook, Vanessa Guedes e Igor Bartchewsky. Cerca de 120 atores da Cidade e Região fazem parte do elenco de apoio da produção.

Trailer oficial do filme pode ser conferido no link: http://www.youtube.com/watch?v=W6ZymGpunoY. Outras informações sobre a produção e o lançamento podem ser obtidas no site www.oficinadeatoresoaib.blogspot.com ou nos telefones 3324-2002 e 99128-3749.

Notícia do dia 24/9/2013
Por Jaqueline de Marco, MTB: 52.981

Espetáculo teatral é apresentado para idosos


O espetáculo teatral “Rogativa à mãe das mães", organizado por grupo integrante de atividades e aulas de teatro da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), será apresentado gratuitamente na Galeria Nilton Zanotti na terça-feira (24), às 15 horas. A peça será encenada para dezenas de idosos moradores do Lar Vicentino de Assistência A Velhice, de São Vicente, que poderão conferir também a exposição “Natureza Morta/Teatro das Coisas”, do grupo Câmbio, de São Paulo, que foi aberta à visitação no local no último sábado (21). A Galeria Nilton Zanotti faz parte do Complexo Cultural Palácio das Artes (Avenida Presidente Costa e Silva, 1600, Bairro Boqueirão).

O espetáculo, com duração de aproximadamente 35 minutos, retrata uma conturbada relação entre mãe e filho que mantêm uma convivência diária, em meio a problemas, frustrações e mágoas. O público vai observar como a fé, a esperança e a dedicação de uma mãe podem mudar o destino de um homem. A peça tem censura livre.

De acordo com a chefe da Seção de Ação Cultural da Cidade, Lourdes Marszolek, apesar da atração ser voltada aos idosos do Lar Vicentino o público em geral está convidado para participar também. “Tenho certeza que todos vão se emocionar bastante com a história que será contada, que ainda interage bem com a exposição que conta com obras que unem o passado com temas mais futuristas”, explicou.

Outras informações sobre o espetáculo “Rogativa à mãe das mães" e a mostra artística “Natureza Morta/Teatro das Coisas” podem ser conferidas através do telefone 3496-5707. O Palácio das Artes é aberto à visitação de terça-feira a sábado, das 14 às 18 horas.

Notícia do dia 23/9/2013
Por Jaqueline de Marco, MTB: 52.981